Landing Page: Tudo o que você precisa saber para converter mais

landing page

A landing page pode ser uma ferramenta poderosa para a sua estratégia de vendas e tem o potencial de aumentar consideravelmente suas vendas.

Isso acontece pois uma boa landing page é montada com todos os elementos voltados à conversão. Normalmente a página terá menos conteúdo do que um site normal, porém com informações mais relevantes e que chamem a atenção do visitante. 

O principal objetivo de uma landing page (também chamada de “land page” no Brasil) é de transformar os visitantes em Leads ou ainda conseguir uma venda ao longo da própria página. Assim você pode imaginar como isso é importante no marketing do seu e-commerce.

Nesse artigo vou apresentar todo o conceito básico de landing page, motivos para você criar algumas, como você pode criar uma landing page de alta conversão e ainda citar alguns exemplos de boas páginas.

O que é uma Landing Page?

Traduzindo diretamente do inglês, landing page significa página de aterrissagem em tradução literal, mas eu prefiro o termo página de destino. O nome é bem auto-explicativo, ela é uma página que você utilizará para mandar tráfego para ela, normalmente através de campanhas de marketing via redes sociais ou e-mail.

A ideia de uma land page é ter um ambiente totalmente focado em converter o seu visitante para ele responder ao CTA principal da sua página, seja ele fazer um cadastro, efetuar uma compra ou qualquer outra estratégia que você queira adotar.

Você quer eliminar o máximo de distrações possível e manter o seu cliente focado apenas no seu produto ou serviço para que no final ele possa executar a ação que você deseja.

Você concorda que é muito mais provável que seu cliente se perca e/ou fique indeciso sobre o que comprar em sua loja online do que quando ele estiver numa landing page específica para um produto? Pois é, aí está a maior vantagem de usar landing pages.

É claro que não quero dizer para você desistir do modelo de loja online e trabalhar exclusivamente com land pages, só mostrar vale a pena usar os dois modelos simultaneamente.

Clique e faça parte do melhor grupo de e-commerce do Brasil 

Principais tipos de Langing page

Formulário de captura

landing page formulário de captura

Uma landing page de formulário normalmente tem um título, um pequeno texto explicando o benefício de preencher o formulário, uma imagem e/ou vídeo e logo em seguida o formulário a ser preenchido.

Com esse tipo de página você está buscando conseguir informações importantes sobre o seu cliente para poder fazer uma campanha de retargeting especialmente para ele. Esse cliente já demonstrou interesse no que você tem a oferecer, portanto, as chances de você convertê-lo são bem maiores.

Página de vendas

Essa é uma landing page que vai mais direto ao ponto, tornando-a uma boa opção para mostrar para clientes que já tem um certo interesse pela sua oferta. Mas nada impede que você jogue tráfego frio para ela também.

O melhor jeito de criar uma landing page de vendas não é simplesmente jogar especificações técnicas ou fatos, aqui você deve trabalhar com os benefícios do seu produto e tentar despertar um desejo forte em seu visitante.

Demonstre que sua oferta é a solução para as dores que o seu cliente tem, deixe bem claro tudo que ele pode ganhar ao adquirir seu produto.

Eu considero indispensável ter uma seção onde você apresenta todos os benefícios do produto/serviço, assim o visitante verá o verdadeiro valor do que você está oferecendo.

Se for possível, insira uma seção com depoimentos de cliente que já fecharam negócio e também uma seção de perguntas mais frequentes. Isso reduz bastante a fricção e deixa o visitante mais à vontade para comprar com você.

Para aprender a mexer com o sentimento dos seus visitantes e conseguir respostas emocionais mais profundas, confira nosso artigo sobre gatilhos emocionais.

E ao final da página você apresenta os preços do seu produto e insere um botão de CTA, convidando seu visitante a fechar a compra, enviando ele para o checkout.

Presell

Eu ainda vejo pouco uso das páginas de presell aqui no Brasil, mas em minha opinião, elas são muito boas para escalar um produto que já está indo bem.

Presell significa pré-venda, ou seja, esse tipo de página é utilizado para convencer seu visitante de que ele precisa adquirir esse produto porque ele vai fazer X, Y e Z por ele.

E normalmente isso é feito através de uma história ou um depoimento muito bem contado ao longo da página. 

Para ajudar você a visualizar melhor, aqui vai um exemplo prático: você tem um produto que reduz as dores das costas, então essa sua presell pode contar a história de um homem de 55 anos que começou a ter dores tão terríveis que mal podia sair da cama, mas ao usar esse produto foi recuperando lentamente toda sua disposição e agora tem uma vida normal novamente.

A diferença é que você só apresentaria o produto no final da página para não parecer muito óbvio. O primeiro objetivo é criar um elo com o visitante e fazer com que ele se sinta conectado à história que você está contando.

Na presell você não manda o cliente direto para a página de checkout, e sim para uma landing page de vendas. Como você já fez o trabalho de “pré-vender” esse produto, a land page de vendas vai encher ainda mais os olhos do seu visitante.

Por que ter uma landing page no site?

por que ter uma landing page?

Utilizar landing pages em seu site ou estratégia de marketing faz com que você tenha ofertas mais específicas para o público certo, aumentando a taxa de conversão.

Além disso, páginas com formulários de captura são extremamente valiosas para a geração de novos leads. Esse leads podem se transformar em novas vendas ou ainda servir para você criar públicos personalizados ou semelhantes em suas campanhas de anúncio no Facebook ou Google.

E por fim, sei que esse é um ponto bem subjetivo, mas eu creio que as landing pages dão mais propriedade ao seu site e/ou produto. Ter uma página bem elaborada faz com que as pessoas tenham uma percepção melhor do seu negócio. Se você se esforçar em criar algo bonito, as pessoas notarão isso e terão mais confiança em sua loja.

O que deve ter em uma landing page?

O conteúdo de uma landing page varia de acordo com o tipo de página que você está criando. Mas de maneira geral tem alguns elementos que são praticamente essenciais em qualquer página.

Título e subtítulo

É aqui que você vai conquistar – ou não – a atenção do seu visitante. Você pode ser absolutamente a melhor copy do mundo na descrição da oferta, mas se seu título e subtítulo forem fracos sua taxa de conversão provavelmente vai ser muito ruim.

O fato é que a maioria das pessoas leem apenas o cabeçalho da página e saem da página. Segundo esse artigo, apenas 3 em cada 10 pessoas leem uma notícia por completo, podemos dizer que o mesmo vai se aplicar às suas landing pages.

Se você não fisgar o visitante nessas duas primeiras seções, sua oferta já era. Você precisa deixar bem claro no título e subtítulo o valor do que você está prestes a oferecer.

Imagens e vídeos

Imagens de alta qualidade passam a impressão de que você realmente tem uma oferta de qualidade. E quando eu digo qualidade não me refiro apenas à resolução ou o fato de ser uma foto profissional, às vezes faz mais sentido ter uma boa foto amadora numa seção de testemunhos, por exemplo.

Através das imagens e vídeos é possível dar uma boa identidade visual para sua landing page e complementar as forças do copywriting. 

Sem contar que elementos visuais são muito mais agradáveis aos olhos do que uma grande parede de texto, é aí que nós percebemos que o ditado “Uma imagem vale mais do que mil palavras” realmente faz sentido.

Só tome cuidado para não carregar sua página com imagens ou vídeos pesados, isso com certeza vai comprometer a velocidade de carregamento e espantar os visitantes. Lembre-se que a maior parte dos acessos hoje em dia vem de dispositivos móveis e que a internet móvel no Brasil pode ser terrível em vários lugares.

CTA – Call to action

Acho que uma landing page sem um CTA nem pode ser chamada de landing page. Um bom CTA é absolutamente indispensável.

Outro termo do inglês, CTA significa chamado para a ação. São botões ou textos que chamam a pessoa para fazer tal coisa, normalmente comprar ou fazer o cadastro.

Na maioria das vezes você utilizará frases no imperativo para transmitir uma mensagem clara e direta ao ponto. Por exemplo:

  • Compre já
  • Garanta o seu
  • Inscreva-se na lista de espera
  • Receba o cupom de desconto

Você não precisa se prender às frases no imperativo, é possível usar também: “Comprar”, “Fazer cadastro”, “Sim, quero garantir meu produto” e por aí vai. Solte a sua imaginação.

Copywriting – descrição da oferta

O tamanho da sua descrição vai depender do tipo de página que você vai criar, mas de qualquer maneira, esse é outro elemento que não pode faltar em sua landing page.

É aqui que você vai mostrar porque a pessoa deve adquirir seu produto ou serviço e quais são os maiores benefícios ao fazer isso.

Uma copy ruim pode acabar com sua página e manchar a sua reputação com o visitante, então tome bastante cuidado na hora de elaborar a descrição. Uma aposta segura é ser bem objetivo e direto no que você quer passar.

Oferta

Você não estaria buscando criar uma landing page se não tivesse algo a oferecer, não é mesmo? Pode ser um e-book gratuito, um curso, o produto que você está vendendo ou até mesmo um cupom de desconto exclusivo para quem preencher o formulário, isso varia de acordo com sua estratégia.

Mas o ponto é: assim como não existe uma landing page sem CTA, não existe um jeito de ter uma LP sem oferta.

Seu cliente precisa perceber que existe algum valor em comprar o produto ou preencher o formulário. Não dá pra simplesmente falar “Aqui está o formulário, preencha seus dados porque eu estou pedindo”.

Passo a passo para criar uma landing page que converte

Se uma imagem vale mais do que mil palavras, um vídeo então vale uma enciclopédia inteira. Confira essa vídeo aula abaixo oferecida pela equipe do Framr ensinando você a montar uma land page de alta conversão inteirinha do zero.

O vídeo é relativamente longo, mas garanto à você que vale muito a pena. Ao final desse vídeo você vai ter aprendido a montar uma página completa usando o Framr.

https://youtu.be/-2xuDUofknE
Instale gratuitamente o checkout transparente CartX 

2 exemplos de landing page que convertem de verdade

Agora quero mostrar alguns exemplos de landing pages que convertem bem que nós fizemos aqui no CartX. Vou analisar os principais pontos delas e tentar mostrar o que você deveria buscar fazer igual em suas próprias landing pages.

Página inicial do Framr

como usar o Framr

Se você ainda não conhece, o Framr é o construtor de landing page criado pela própria equipe do CartX, com essa ferramenta você poderá criar suas próprias landing pages de maneira fácil e rápida sem perder em nada na parte visual.

Nessa página nós focamos bastante em utilizar imagens como o maior recurso visual e informacional da página, o texto serve mais como um complemento das imagens, como você pode ver na seção abaixo.

landing page que convertem modelo

Além disso, também inserimos a tradicional seção de benefícios rápidos, mostrando os principais pontos positivos de utilizar o Framr.

landing page que convertem para e-commerce

Pulando um pouco e indo direto ao ponto, nós temos o CTA; que convida você a se cadastrar no Framr para poder montar suas próprias landing pages.

landing page que convertem como fazer

Você também pode conferir a página na íntegra por conta própria, se preferir.

Checkout transparente CartX 

A landing page que anuncia o checkout transparente do CartX para lojas Shopify segue uma estrutura bem parecida, porém conta com um pouco mais de texto para explicar melhor os detalhes técnicos. 

Dessa vez temos um cabeçalho mais chamativo com um curto vídeo demonstrando na prática o que a solução do CartX pode fazer, além de uma pequena descrição em texto e um CTA logo no início da página.

Colocar o CTA no início pode ser interessante caso o visitante já conheça um pouco da sua solução, isso oferece a possibilidade de ele ir direto ao ponto.

checkout transparente cartx

Vamos agora mostrar como é feita a descrição da oferta, no caso, nosso serviço de checkout transparente.

landing page que convertem no checkout transparente cartx

Perceba que nunca nos aprofundamos demais num único assunto, isso é crucial para manter o leitor engajado sem entediá-lo, mas isso não quer dizer que você deve omitir informações. Você precisa alcançar o meio-termo entre objetividade e extensividade no texto.

E por fim, temos o CTA convidando o visitante a conhecer e instalar nosso checkout transparente em sua loja virtual, consolidando a conversão.

landing page que convertem mais

Veja a página de checkout transparente Shopify na íntegra para entender melhor como criamos essa landing page.

Conclusão

Depois de ler esse artigo por completo você já deve ter uma bela noção do que torna uma landing page atrativa e o que faz ela converter mais. E também já aprendeu a importância de adicionar esse recurso na sua estratégia de marketing.

Também citei alguns elementos que não podem faltar em landing page alguma, como cabeçalho, imagens e vídeos, oferta e um bom CTA.

Mostramos também como você pode criar uma land page de alta conversão do zero utilizando o construtor de landing pages Framr, que foi criado pela equipe do CartX.

E pra finalizar, ainda mostrei dois exemplos de páginas que convertem bem e expliquei o que fizemos em cada página e o motivo.

Espero que você tenha gostado desse artigo. Se você quer construir uma landing page, não se esqueça de adicionar seu domínio próprio para passar mais autoridade na página. Caso ainda não saiba como fazer isso, acompanhe nosso guia completo de registro de domínio.

Quer aprender e-commerce?

Inscreva-se no boletim informativo da CartX para receber mais conteúdo premium.

Comentários

Deixe um comentário

Outras notícias

O carrinho abandonado no e-commerce é reflexo de muitos problemas que podem estar associados à loja online. Por isso, ao detectar uma taxa de