O que é SKU e como usar no estoque da sua loja virtual

SKU é a sigla em inglês para Stock Keeping Unit (Unidade de Manutenção de Estoque), basicamente ele é um crachá de identificação para cada produto que você tiver cadastrado em sua loja.

E manter os SKUs da sua loja organizados é fundamental para você ter um controle de estoque saudável, e consequentemente, uma operação lucrativa.

O que é e onde utilizamos a SKU?

Afinal, o que signifca SKU? O SKU nada mais é do que um código composto por uma sequência de caracteres alfanuméricos e ele age como um identificador único para um produto em particular.

A grande vantagem de usar SKUs em sua loja é poder pesquisar rapidamente o seu estoque de produtos e descobrir quais foram vendidos, trocados ou devolvidos sem ter que analisar o nome ou procurar por imagem.

Um jeito bem fácil de visualizar isso está nos códigos de barras. Cada produto no supermercado tem um código de barras diferente, é isso que o torna único e faz com que ele seja facilmente encontrado pelo sistema.

Por isso, dois produtos diferentes não podem compartilhar o mesmo código SKU sob nenhuma hipótese, isso iria contra o propósito de utilizar esse recurso em sua loja virtual.

Clique e faça parte do melhor grupo de e-commerce do Brasil

Exemplo de SKU

exemplo de sku

Caso ainda não tenha ficado muito claro para você, vou fazer um exemplo prático. Para esse exemplo, vamos usar uma loja de roupas fictícia, onde a marca se chama Machado. Digamos que eu quero colocar um SKU para uma camiseta infantil amarela de tamanho 10.

Segundo este artigo, uma boa SKU tem os seguintes identificadores (em ordem): fabricante, descrição do produto, material, tamanho e cor. Caso seu produto necessite de informações extras para fazer a diferenciação, vale incluir também.

Então a SKU poderia ficar da seguinte maneira: MAC-INF-AGD-10-AMA

Parece um monte de coisa sem sentido, certo? Mas cada sigla desse SKU tem um significado.

MAC: Machado – O nome da marca

INF: Infantil – A descrição do produto

AGD: Algodão – Material

10: Número da roupa – Tamanho

AMA: Amarelo – Cor

Essa sequência de siglas faz com que esse produto seja único e facilmente identificado dentro do seu estoque por um software controlador de estoques. 

Por mais que pareça complicado, se você seguir a estrutura lógica para elaborar um SKU fica muito mais simples do que parece.

Por que a SKU é importante para o estoque?

Da mesma maneira que os códigos de barras são essenciais para grandes lojas físicas, os SKUs são importantes para as lojas virtuais.

Com o código SKU você consegue ter um controle firme de tudo que acontece no seu estoque sem deixar nada escapar.

Evite erros humanos

Se você deixar para fazer tudo manualmente sem nenhum controle de estoque ou identificação dos produtos, é provável que alguma hora você cometa um erro. Não, isso não é um ataque pessoal, é apenas a realidade. Todo mundo está propenso a cometer erros, é parte da nossa natureza. 

Mesmo que você faça 999 pedidos perfeitamente corretos, se você errar apenas 1 vai tornar a experiência do cliente muito negativa. O cliente não vai se importar com os outros 999 pedidos que foram feitos corretamente, ele só quer saber do pedido que ele fez.

Usar códigos SKU na sua logística ajuda a diminuir drasticamente a chance desses erros acontecerem.

Facilidade para controlar o estoque

vantagens da sku

Em vez de ter que tirar um dia inteiro no seu mês para fazer um inventário, você pode deixar o processo bem mais automatizado e facilitado. 

Ao utilizar SKUs em sua loja, o estoque vai sendo controlado automaticamente (isso varia de acordo com a plataforma de e-commerce que você utiliza).

E com esse tempo livre, você pode focar em outros aspectos da sua loja virtual que trarão um retorno mais significativo.

Como cadastrar SKU na sua loja virtual 

Agora vamos descobrir como você pode cadastrar códigos SKU em sua loja virtual. 

Como você pode imaginar, esse processo varia bastante de acordo com a plataforma escolhida, portanto, irei utilizar o CartX como exemplo nesse artigo.

O que fazer antes de começar

Antes de começarmos, crie os códigos SKU para os produtos que você tem em sua loja, esteja logado na plataforma do CartX e tenha bastante calma na hora de realizar esse procedimento.

Lembre-se, esse é um trabalho minucioso e que exige muito da sua atenção, portanto, separe algumas horas para garantir que tudo ocorra conforme o planejado.

Cadastro de SKU para produtos com estoque nacional

A partir da dashboard do CartX, clique na esquerda em Produtos e depois Listar produtos. Feito isso, clique no produto que você deseja adicionar a SKU, no meu caso, utilizarei esse Telefone como exemplo.

configurar sku

Desça a página até a parte de Variantes, lá você encontrará três campos a serem preenchidos: Preço, Quantidade e SKU. Vamos preencher o campo SKU com o código que criamos em cada uma das variantes.

O resultado seria o seguinte:

configurando sku

Agora basta ir até o final da página, clicar em Salvar produto e realizar o mesmo procedimento para os outros produtos em sua loja.

E se minha loja virtual for de dropshipping?

Se você está rodando uma operação de dropshipping, o método de colocar as SKUs em sua loja é um pouco diferente, mas não menos essencial.

Aqui no CartX, nós utilizamos o Nimble para fazer o processamento dos pedidos de dropshipping, e por sua vez, o Nimble se integra ao Aliexpress.

Para garantir que o pedido seja feito corretamente no Aliexpress, o mapeamento das SKUs precisa estar em ordem também.

E uma dica muito importante: para evitar que o mapeamento seja quebrado, nunca apague uma opção de variantes por completo. Ou seja, se o produto que você está vendendo tem a opção Cor, Tamanho e Origem, você não pode apagar por completo a opção de Origem e deixar apenas as outras dias.

Recentemente lançamos um vídeo ensinando a fazer a integração com o Nimble, que também contempla essa parte de SKU, acompanhe o vídeo abaixo para aprender o passo-a-passo: 

Como criar o SKU de um produto?

Para criar o SKU de um produto basta seguir as orientações gerais que mencionei mais cedo no artigo.

Vamos pegar como exemplo a SKU do Telefone que criei aqui para esse artigo:

criando sku

No caso, MAC corresponde ao nome da loja, que é Machado. Já TEL, significa Telefone, que é o tipo do produto, e por fim, ANT se refere a antigo, que é o modelo do produto.

Apenas essas 3 informações já são suficientes para que eu possa identificar o produto com sucesso. No entanto, supondo que esse produto também tivesse opções diferentes de cores, eu acrescentaria elas no final.

Se fôssemos criar um SKU para azul, vermelho e cinza, respectivamente, eu faria da seguinte maneira: MAC-TEL-ANT-AZL, MAC-TEL-ANT-VRM e MAC-TEL-ANT-CNZ

Instale gratuitamente o checkout transparente CartX 

Dicas de como usar a SKU na sua loja virtual

Combine o uso de SKUs com um sistema de ERP

sku

A principal vantagem de usar esse código em sua loja é poder ter um sistema de gestão de ERP para facilitar toda a sua operação.

Geralmente os ERPs costumam deixar o processo quase todo automatizado, tirando bastante do esforço e da preocupação das suas costas.

É um ótimo investimento para quem quer melhorar o gerenciamento da loja.

Esqueça as informações inúteis

Seu código SKU deve conter apenas informações essenciais e que o destaquem dos outros produtos.

Quanto mais curto o código, mais fácil será para você fazer a leitura dele. Então não coloque dados como dimensões do produto, ano de fabricação ou coisas similares.

Foque em criar códigos curtos e que passem todas as informações que você precisa saber logo de cara.

O código SKU deve ser sempre único

código SKU deve ser sempre único

Pense no SKU como um CPF. Cada pessoa tem seu próprio CPF, você nunca encontrará duas pessoas que compartilham esse mesmo número, e com o SKU deve ser assim também.

Por mais que sejam dois produtos praticamente iguais, onde a única mudança é a cor, você deve colocar códigos diferentes. É isso que fará toda a diferença na hora de controlar o estoque.

Conclusão 

O SKU é um recurso praticamente indispensável para quem tem uma loja online. É ele que ajuda a manter todo o seu estoque em ordem e facilita na hora de encontrar e diferenciar seus produtos.

No artigo mostramos alguns exemplos para que você possa criar seus primeiros códigos sem depender de um gerador de SKU, assim você tem os melhores resultados de acordo com sua própria lógica.

O SKU do produto nada mais é do que um código único que serve para identificar um produto específico. E esse recurso fica ainda mais interessante quando utilizado com uma solução de ERP.

Gostou desse artigo? Pode ser que você também goste do nosso guia para exportação de produtos.

Quer aprender e-commerce?

Cadastre-se na newsletter do CartX para receber mais conteúdos premium.

Nós respeitamos a sua privacidade.

Share

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email

Deixe um comentário

Outros artigos

Quais são os melhores sites para vender produtos na Internet?

Quais são os melhores sites para vender produtos na Internet?

Deixe-me adivinhar: você deseja começar a empreender pela Internet e quer saber os melhores sites

Read More
Live Chat: 5 motivos para usar a ferramenta no e-commerce

Live Chat: 5 motivos para usar a ferramenta no e-commerce

Em um mundo dinâmico que oferece inúmeras possibilidades de troca de mensagens rápidas e instantâneas,

Read More
Landing Page: Tudo o que você precisa saber para converter mais

Landing Page: Tudo o que você precisa saber para converter mais

A landing page pode ser uma ferramenta poderosa para a sua estratégia de vendas e

Read More